ENTRADAS DESPROTEGIDAS

30-edward_bernaysPropaganda é a ‘arma’ do negócio!

Há muitas entradas desprotegidas na mente humana e elas podem ser acessadas em vários níveis. Uma dessas formas é a utilização de arquétipos. Imagens, sons, situações e circunstâncias pré-existentes que são facilmente reconhecidas pelo nosso subconsciente embora não estejamos conscientes disso e nem tenhamos sequer o conhecimento para tal. Arquétipos desencadeiam em nosso cérebro a produção de diversos neurotransmissores que influenciam nossas emoções e nossos estados de espírito. Isso acontece automaticamente e não depende de nosso consentimento nem do nosso conhecimento. Vide AUTOMAÇÃO HUMANA. Todos somos suscetíveis a essa influência externa, fenômeno já conhecido antes de 1930 e que foi tema de dois livros escritos por Edward Louis Bernays, (Propaganda -1928) e (Cristalizando a Opinião Pública – 1923). Neste último ele escreveu: “As pessoas enquanto multidão, comportam-se como gado. Agem e reagem como gado e são portanto, tratáveis como gado quando o objetivo é conduzir suas opiniões e costumes. 


Veja no vídeo abaixo uma excelente explicação de como os profissionais do marketing manipulam você, usando de suas próprias falhas ou fraquezas para se  beneficiarem e lucrarem muito.


30-empresa-de-segurançaComo controlar um país

A propaganda coloca ao mesmo tempo um problema e sua solução. Ao apresentar cenas arquetípicas que fazem diminuir nossa serotonina, nosso estado emocional se deprime. Um exemplo disso é a exibição sistemática de tragédias, assassinatos, roubos e assaltos, acidentes naturais ou não. São cenas ou circunstâncias que nos deprimem, nos desanimam, minam a nossa capacidade de trabalho ou investimento e geração de empregos. Isso é largamente utilizado quando se quer que o país fique com sua produção e crescimento reduzidos, dependendo de importações de outros países até para bens básicos de consumo. Então coloca-se a imagem de um produto que irá mudar esse estado emocional para melhor e para isso usam-se imagens ou cenas de alegria e felicidade (ou segurança) associadas ao30-CougarOnTree produto. Bingo. Interessante notar que propagandas de equipamentos de segurança ou de empresas que oferecem sua instalação é exibida logo após o telejornal noticiar uma onda de assaltos e roubos à residências. É possível controlar um país inteiro dessa forma. Por exemplo, quando se quer que os empresários ou empreendedores voltem a investir e contratar, basta exibir em horários e dias alternados alguns documentários sobre o mundo animal dando especial destaque aos felinos. O arquétipo do felino induz as pessoas à ação e então elas voltam a investir, contratar, comprar equipamentos para produção, bens de capital etc. Não é uma gracinha? Veja mais sobre isso em AUTOMAÇÃO HUMANA.


30-wake-upCampo unificado

Como escapar desse círculo vicioso? Tomando consciência de que estamos sendo manipulados. Buscando entender como o ‘sistema’ funciona. Temos que acordar a nós mesmo e depois de despertos, buscar acordar o maior número possível de pessoas. Não é necessário acordar bilhões de pessoas, mas é importante se chegar a uma massa crítica de alguns milhões. Após atingido esse número, as demais pessoas acordarão por si mesmas, devido ao campo morfogênico (Rupert sheldrake) ou campo akáshico (Ervin Lazlo) ou campo unificado (Albert Einstein) ou ainda campo de energia (Nikola Tesla), fortemente negado pela ciência oficial. E sabe por que isso é fortemente negado? Porque é aí que se encontra a solução. Segundo a teoria do campo morfogênico, se um determinado número de pessoas (massa crítica) acessar conscientemente uma informação relevante, automaticamente toda a população do planeta ficará consciente dessa mesma informação. Imagine o poder disso. Imagine o medo que os 30-Nikola-Teslaque estão no poder tem de que isso se torne realidade. Então usam do recurso da negação do fenômeno através da desqualificação e ridicularização daqueles que o estudam. Utilizam-se também do estrelismo na Ciência para disseminar a contra informação. Veja mais sobre isso em CIÊNCIA DAS ESTRELAS OU CIÊNCIA DE ESTRELAS? Mas o mesmo ‘sistema’ que nega isso veementemente, faz uso desse fenômeno ao manipular as massas através da propaganda. Basta que a propaganda atinja um pequeno número de pessoas para que todas as pessoas de uma região, ou país, passem a aprovar o uso de um determinado produto, ou aceitar como normal um conceito ou qualquer outra coisa que se queira. Edward Bernays escreveu sobre isso em  seus livros “Cristalizando a Opinião Publica”, 1923 e “Propaganda”, 1928.


30-willful-ignoranceIgnorância intencional

As corporações praticam a crueldade sistematizada em escala gigantesca, seja com animais ou com pessoas e ninguém sente culpa, ninguém se sente responsável por essa crueldade, nem quem fornece as matérias primas, nem quem produz, nem quem emprega escravos, nem quem consome os produtos por eles produzidos. Como isso é possível? Isso só é possível por que estamos todos condicionados a fingir que não vemos. Não queremos saber o que acontece durante o processo de produção, estocagem, transporte e distribuição até30-China-trabalho-escravo que um smartphone chegue às nossas mãos, não é mesmo? Obviamente que eu não vou deixar de usar meu computador (placa mãe made in China) nem vou deixar de comprar uma TV LED (made in Thailand), mas seria interessante começarmos a questionar a utilização de mão de obra escrava para a montagem desses aparelhos. Estou aceitando sugestões. Convido você, leitor a apresentar alguma ideia sobre como mudar isso. Estar consciente de que isso acontece já é um grande passo, pois a grande maioria das pessoas no mundo, sequer imagina isso.


 Veja o vídeo a seguir e perceba como a propaganda nos desvia o foco, para que fiquemos todos nos sentindo bem, muito bem, enquanto milhões de pessoas perdem suas vidas para produzir nossos brinquedinhos.

Perceba que apesar de expor as péssimas condições de trabalho dos que produzem os ‘brinquedinhos’, apesar de ser um vídeo ‘denúncia’, ele se foca apenas na questão da exposição ao benzeno e não no fato de as pessoas trabalharem como escravas das 8:00 as 23:00hs diariamente. Jovens adolescentes que ainda nem começaram a vida e já a perderam. Isso é propaganda, isso é desvio de foco. Coloca-se a culpa no benzeno. E assim todos nós esquecemos da ‘crueldade sistematizada em escala gigantesca’.


30-Obsolescencia-programadaObsolescência planejada

Graças ao uso massivo da propaganda, associada à engenharia do consentimento, a humanidade foi transformada literalmente em gado, servindo apenas para ser explorada, tal qual o gado que é explorado de todas as formas possíveis pelo fazendeiro que o mantém. A humanidade perdeu toda a sua capacidade de raciocínio, de discernimento e de ação, e tal qual animais, apenas reagem a estímulos e impulsos, que a elas são enviados através de anúncios bem elaborados.  As corporações pagam salários aviltantes aos trabalhadores e os convencem através da propaganda, a comprarem cada vez mais. No final o salário dos trabalhadores retorna às corporações e elesconsumismo exagerado mno Brasil continuam sempre na mesma: devendo e tendo que trabalhar mais e mais. Mas você pode questionar: sim, eles compram os bens de consumo e ficam sem o dinheiro, mas ficam com os bens. Sim, ficam com os bens, supostamente duráveis, mas não tão duráveis assim, porque as corporações criam a obsolescência planejada. Depois de seis meses, um ano ou, no máximo dois, dependendo do ‘bem durável’ este está obsoleto e então vem a propaganda e  convence a pessoa a comprar um produto novo. O sistema operacional de seu computador fica desatualizado e você precisa adquirir uma nova atualização (service Pack), seu carro sai de linha e perde o valor de mercado e você é convencido a comprar um novo, as mulheres compram mais e mais vestidos, mais e mais sapatos, os jovens adolescentes a cada mês querem um novo celular.


 30-credit-debitSeu crédito é sua dívida

Uma das melhores utilizações da propaganda é a de manter uma população inteira sempre endividada, fazendo as pessoas crerem que só se obtém as coisas através do endividamento ativo. A propaganda jamais mostra o resultado negativo do endividamento, apenas suas consequências positivas. Lembre-se: se você tem um cartão de crédito, você tem na verdade um cartão de dívida. Ele deveria se chamar ‘Cartão de Dívida’. Crédito é divida. E quando você está endividado, terá que30-juros empregar a maior parte de sua energia apenas para pagar dívidas e assim não irá prosperar, estará sempre atolado e patinando. Essa é a melhor maneira já encontrada pelo sistema de manter as pessoas sempre escravizadas. Mesmo que você reduzir tudo em sua vida ao essencial, ainda assim você terá que pagar contas de luz, água e aluguel. Se você tem casa própria, terá que pagar impostos pela vida inteira e se não tem, há uma opção excelente para você perder a parte mais importante e produtiva de sua vida pagando por uma casa: ‘minha casa minha dívida”. Você ficará em média 30 anos pagando e se hoje você tem 25 anos, terá 55 ao terminar de pagar e terá passado o melhor tempo (e o mais produtivo) de sua vida com grande parte de seu salário comprometido. E o sistema bancário, então? Cada vez que você vai a um caixa eletrônico, há um anuncio na tela principal oferecendo crédito fácil, rápido e pré aprovado. Basta teclar <Enter> e pronto, você já está endividado. Se já estava, agora está ainda mais. E você ainda está procurando por um jeito de ganhar muito dinheiro? Você não sabe ganhar dinheiro, só sabe gastá-lo. Corporações é que sabem ganhar muito dinheiro às suas custas.


O poder oculto30-Bernays_quote-pt Tradução livre: Eduardo Lbm


Anúncios

7 ideias sobre “ENTRADAS DESPROTEGIDAS

  1. edisonjunior72

    Conscientemente ou não todos sabemos disso mas realmente é muito difícil fazer alguma coisa, todos queremos nossos brinquedinhos, sobre tentar acordar outras pessoa já desisti faz tempo estão todos dominados pelo sistema, cada um tem o seu tempo e acho vai levar séculos ainda para acordarem, abraço a todos…..

    Resposta
    1. Luís

      Olá Edison, concordo contigo quando diz que é realmente difícil fazer alguma coisa, e sim, acho que muitas pessoas já acordaram e concordam com o que foi exposto nestes textos do Eduardo e em outras fontes que nos propiciam entender melhor a realidade e por conseguinte, despertar, porém, uma coisa é estar consciente disso (de forma isolada, cada um no seu lar, com a sua vida, preocupações e amarras) e outra é isso servir para alguma mudança efetiva, significativa, mesmo à nível local, com outros indivíduos: isso é difícil mesmo! Claro que sozinho ninguém consegue nada, e o conceito de massa crítica é interessante nesse sentido, mas até se chegar nesse ponto de transformação há um grande caminho. Comentei algo parecido no texto “Nós, o povo” do Eduardo. Fico feliz cada vez que encontro uma pessoa que compartilha e simpatiza com o que lemos por aqui, assuntos pertinentes à evolução espiritual de cada um, mas também que dizem respeito à toda a humanidade. Este conceito de Massa Crítica x sociedade é algo muito interessante e acho que vale a pena ser mais explorado, especialmente COMO se chegar nesse ponto crítico de maneira eficiente. Abraço.

      Resposta
  2. Kjulimata Conde

    para fugir deste sistema de coisas e que optei por não ter mais conta em banco, cartão de credito, minha casa e propria porem so possuo ela (ja tive oito imoveis vendi tudo pois conclui que não tinha nada) desta forma consigo ficar fora das garras do governo por ser proibido pela lei nacional perseguir quem so possui um imovel, não compro nada a prazo nem produtos de grande porte junto o dinheiro e pechincho, vivo com o que ganho minhas economias são para subsistencia pago dois alugueis um da loja e um do apartamento onde fico pois moro longe do local de trabalho, mas nem com os alugueis eu dou mole de ficar endividado pois ao alugar dei tres meses adiantado se tudo der errado de novo posso sair voltar para casa e começar de novo graças a esta escravidão que somos impostos temos que nadar contra a mare constantemente, mas existe um ponto para quem vive longe das garras desta elite escravagista sou muito mais feliz fora do sistema e ensino meus quatro filhos como crescer fora dele meus pais infelizmente nunca me passaram esta informação, este post na minha opinião Eduardo e um dos melhores que voce ja escreveu e conforme voce disse tento acordar um de cada vez converso muito com meus clientes muitos vem na minha loja so conversar e garanto isto da resultado, eu vejo mudanças sutis no mundo hoje sinto que as pessoas são mais educadas do que a 20 anos atras, o acordar e lento mais gradual. (estamos juntos nesta) ….abraços…..

    Resposta
    1. Luís

      Olá Kjulimata Conde, ótimas iniciativas que tu tiveste. Eu gostaria de fazer o mesmo o mais breve possível, mas por enquanto não consigo por em práticas estas e outras atitudes para que eu possa me tornar mais independente desse sistema. Uma coisa é a teoria, outra coisa é a prática, e a “força” da realidade, do dia-a-dia com as necessidades (fabricadas ou não) que temos e precisamos atender. As vezes penso em ir morar num sítio, em algum lugar afastado, mas não totalmente isolado. Tenho a impressão (talvez ingênua de minha parte) de que isso resolveria e seria positivo para a minha família. São muitos pensamentos no sentido de tentar como tu mencionaste, ser menos dependente desse sistema. Li sobre casais com filhos que tomaram decisões como esta, de viver mais próximo a natureza, plantando, com uma estrutura mínima, mas confesso que tenho medo de dar esse passo com duas filhas pequenas. É um medo que meio que paralisa e além disso, em um casamento não é somente uma opinião que deve ser considerado. Resumindo, o troço é complicado…

      Resposta
    2. Anônimo

      Kjulimata Conde – Parabéns Kjulimata por juntar-se a nós outros que compartilhamos alguma forma de ‘sair’ do sistema. Só que, como não ter conta em banco se você possui uma loja? Pretendo passar o resto dos meus dias residindo na roça até à Transição – Fôlego retornando ao Supremo Criador, caso O Altíssimo permita, mas Ele não o fará se a gente não contribuir pensando, fazendo, querendo um viver sóbrio e, pelo menos, uma alimentação orgânica para alcançar uns 80 anos, simples assim). SOLUÇÃO: ECOVILA RURAL

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s