Arquivo mensal: janeiro 2017

ANO NOVO, NADA MUDA

O que é a ignorância intencional? 

Ignorância intencional é quando você decide, por você mesmo, não tomar conhecimento dos fatos inconvenientes que acontecem o tempo todo à sua volta. É quando você pensa consigo mesmo: nada disso está acontecendo com minha família, nem meus parentes, nem meus amigos, portanto não é da minha conta. Pensando dessa maneira, você nunca tomará posição por aqueles que estão sendo oprimidos, escravizados, injuriados, pois não há laços afetivos ou emocionais que os liguem a você, não importando que também sejam humanos, assim como você é. Presumindo-se que você seja humano, não é mesmo? 

martin_niemoller_primeiro_os_nazistas_vieram_buscar_os_x336y6


efgebwnnqzpzfql-800x450-nopadInfância perdida

Milhões de pessoas, a maioria delas ainda crianças, estão trabalhando como escravos, agora mesmo, em muitos países da África. Entretanto, desde que você possa apreciar um bom chocolate, seja Nestlê ou Hersheys, você pouco se importa com as crianças que trabalham como escravas nas fazendas de cacau. Quem se importa com elas? Você simplesmente vira o rosto para o outro lado e ignora o problema. Não é problema seu. Não é da sua conta. Isso é a ignorância intencional.

Legenda: “Você sabia? Milhares de crianças africanas são traficadas para as fazendas de cacau.


apple-factory_large_extra_largeJuventude perdida

Milhões de pessoas, a maioria jovens rapazes e meninas, tendo ainda uma vida inteira pela frente, estão trabalhando como escravos, agora mesmo, em fábricas no sudeste Asiático que são verdadeiros campos de escravidão. Mas, desde que você tenha o seu iPhone ou outro brinquedinho qualquer para sua distração ou entretenimento, você pouco se importa em como esses brinquedinhos são produzidos, em países em que o trabalho escravo é absolutamente normal. Mas isso não é problema seu, não é da sua conta. Tudo bem, não se sinta culpado, afinal você vive num país supostamente livre. Isso é ignorância intencional.


fgm-4Feminilidade perdida

Milhares de mulheres, a maioria anda crianças em tenra idade, estão sendo submetidas à mutilação genital feminina, nesse exato momento, cerca de uma menina a cada quatro minutos e isso acontece não só em algum dos 26 países Africanos onde essa prática é comum mas em qualquer país do mundo onde exista uma comunidade de muçulmanos radicais. Mas isso não é problema seu, seja você homem ou mulher, não é mesmo? Até porquê, trata-se apenas de um mero costume cultural, certo? Não é nada com que você deva se preocupar. Isso é ignorância intencional.


story_sex-trafficking-2Dignidade perdida

Milhões de jovens mulheres, meninas, e até mesmo crianças em tenra idade, estão sendo raptadas e/ou aliciadas diariamente em vários países, inclusive o seu país, nesse exato momento, bem diante de seus olhos, para serem vendidas e usadas como escravas sexuais. Você alguma vez ouviu sobre isso na M.I.D.I.A. (Mentira Institucionalizada para Distração, Imbecilização e Alienação)? Desde que você tenha a Televisão para distrair você com futebol e novelas, o que acontece com as filhas dos outros não é problema seu. A ignorância intencional permite até que você se masturbe enquanto assiste vídeos pornográficos e não sinta absolutamente nada pelas mulheres (e até crianças) que atuam nesses vídeos, pouco se importando em como são produzidos esses tipos de vídeos, ou até mesmo em quantas pessoas morrem neles ou em função deles. Nada com que se preocupar, apenas continue se masturbando.

Legenda: Crianças não acordam uma manhã qualquer e decidem se tornar prostitutas. Elas são forçadas a isso. 


human-traffickingVidas perdidas

Milhões de pessoas desaparecem todos os anos no mundo inteiro, a maioria crianças. Cerca de dois milhões e cem mil, já descontados aí os casos solucionados. para onde essas pessoas vão? Para fora do planeta? Para o espaço exterior? Para dentro da Terra? Estarão sendo escravizadas em instalações secretas subterrâneas de um possível complexo industrial militar? Estarão essas pessoas sendo usadas em rituais de sacrifícios humanos? Ninguém sabe. Ninguém quer saber. O silêncio da mídia sobre o assunto passa a impressão de que nada está acontecendo. Além disso, isso não é da sua conta, já que ninguém da sua família ou amigos desapareceu recentemente, portanto não há nada com que se preocupar. Apenas continue vivendo sua “Visão romântica da vida”.  Seja bem vindo ao Planeta Terra.

Legenda: Trafico humano: Acontece aqui, está acontecendo agora.


homelesscount0101422561730Cidadania perdida

Cada vez mais pessoas estão se tornando moradores de rua, todos os dias, em todos os países do mundo e isso está acontecendo a uma taxa exponencial, resultado de uma sociedade estruturada com base no Darwinismo social em que prevalece a competição em lugar da cooperação e também resultado de um colapso (ainda não reconhecido) no sistema econômico. E essa sociedade doente diz que os moradores de rua são o problema, quando na verdade eles são o resultado do problema. Vivemos em um sistema econômico que foi originalmente criado não para gerar oportunidades de prosperidade para todos, mas apenas para uma minoria de privilegiados, enquanto que a maioria das pessoas está fadada a passar a vida inteira trabalhando e pagando contas. A ironia dessa sociedade doente é que a verdade nua e crua nunca nos foi contada: as oportunidades são para uns poucos e todos os demais tem que lutar a vida inteira por um lugar ao sol e os que não conseguem acabam indo parar nas ruas, sem emprego, sem casa, sem dinheiro, sem esperanças, sem um mínimo de cidadania. Mas isso não é problema seu, afinal você tem um bom emprego, uma casa, uma família e algum dinheiro para gastar em frivolidades. Isto é a ignorância intencional.


downloadEsperança perdida

Milhares de pessoas cometem suicídio no mundo todo, a uma taxa de uma pessoa a cada quarenta segundos. São quase oitocentas mil pessoas a cada ano e esse número varia de ano a ano, chegando em alguns casos a um milhão de suicídios no ano. A maioria dos suicidas deseja desesperadamente viver, mas já perderam toda a esperança e a fé na vida. O suicida não consegue ver alternativas para os problemas que está enfrentando. A maioria dos suicidas dá sinais claros de suas intenções, mas as pessoas próximas não dão importância a esses sinais ou não sabem o que fazer a respeito. Suicídio é previsível. Falar434323e88c6aff453cc46edee4bdbfeb sobre suicídio não leva uma pessoa a se tornar um suicida, pelo contrário ajuda a entender os sentimentos e emoções por trás da possibilidade de suicídio. Os membros da família que sobrevivem ao suicida, além do sofrimento da perda, acabam por tornar-se também potenciais suicidas, ou no mínimo, vivenciar desequilíbrios emocionais graves. Se você conhece ou vive próximo de alguém que esteja apresentando sinais ou intenções suicidas, faça um esforço e ajude a salvar uma vida. Ignorância intencional é a pior atitude nesse caso. Seja humano, salve uma vida.

Legenda: Estou lentamente desistindo. Visite o site:

https://reflexoesdeumpsiquiatra.com/2014/04/11/os-10-grandes-mitos-ideias-erradas-sobre-o-suicidio-e-sobre-comportamentos-autolesivos/


O que eu gostaria de ver num futuro próximo

Um mundo onde não haja mais escravidão infantil. Um mundo onde não haja mais escravidão juvenil ou qualquer outro tipo de escravidão. Um mundo onde não haja mais mutilação genital feminina, onde não haja mais guerras guiadas apenas pelos lucros, onde não haja mais pessoas desaparecendo diariamente sem deixar vestígios. Um mundo onde não haja mais pessoas vivendo nas ruas sem nenhuma esperança, onde não haja pessoas tirando a própria vida porque já perderam totalmente a fé. Um mundo em que possamos viver em plena liberdade. Um mundo em que possamos criar nossas crianças sem medo. Utopia? Não, isso é perfeitamente possível. Temos apenas que encarar os problemas, em vez de intencionalmente ignorá-los. Temos apenas que nos tornar conscientes de nosso próprio poder para mudar o mundo. Não seremos capazes de nos defender de ameaças que sequer sabemos que existem. comece 2017 fazendo o que estiver ao alcance de suas mão. Faça com que 2017 não seja apenas mais um Ano Novo, um ano como outro qualquer, mas o primeiro ano de um novo período de conquistas para nós humanos.Eduardo Silva

Anúncios

NEW YEAR, NOTHING CHANGES

What is wilful ignorance?

Wilful ignorance is when you decide, by yourself, not to see the inconvenient facts that are all surrounding you. It is when you think to yourself that it is not happening to my relatives, not to my family, not to my friends, so it is not of my concern. By thinking this way, you will never stand up for those who are being inflicted, enslaved, injured, for you don’t have affection or emotional bonds with them, no matter if they are also humans as you are. Presuming that you are human, ok? 

first-they-came


efgebwnnqzpzfql-800x450-nopadLost childhood

So many people, most of them are still children, are working as slaves, right now, in so many countries in Africa. However, since you have a Famous Brand, a good chocolate to enjoy, whether it is Hersheys or Nestle, you will never mind about the children working as slaves in cacao farms. Who cares about them? You just turn you face to the other side, not to face the problem. It is not your problem. It is none of your business. This is wilful ignorance.


apple-factory_large_extra_largeLost youth

So many people, most of them, young boys and girls with so many dreams and projects for their lives, are working as slaves, right now,  in so many factories which are basically slave labor camps in Asian Southeast. Once you have your iPhone or even another toy for you distraction or pleasure, you will never mind about how it is produced, in countries where slavery is quite normal. This is not your problem. This is not up to you. Ok, don’t feel guilty, you live in a free country. This is wilful ignorance.


fgm-4Lost femininity

So many women are being inflicted, right now, by the Female Genital Mutilation, and this is happening not only in about 26 countries in Africa, but all around the world in many communities formed by radical Muslims, in a rate of one girl at each four minutes. But this is not up to you, whether you are a man or a woman, is it? Nevertheless, this is only a cultural issue, isn’t it? Nothing to worry about. This is wilful ignorance.


story_sex-trafficking-2Lost dignity

So many young women, girls, and even children, are being kidnaped everyday in so many countries, including yours, right now, right before your very eyes, to be sold for sexual slavery purposes. Did you even heard about it? No, of course not. This is not an issue for the mass media. Once you have the Tell Lie Vision to distract and entertain you, the other’s children won’t be an issue of your concern. The wilful ignorance allows you watch sex videos while you masturbate yourself and feel absolutely nothing about the women (or children) who performs them, or even how this kind of dirty movies are produced, or even how many women die because of them. Nothing to worry about, ok. Just stay masturbating yourself.


human-traffickingLost lives

So many people disappear every year around the world, most of them are children. Best numbers are about more than two million per year, already uncounted the solved cases. Where do they go? Out of the planet? To the outer space? To the inner Earth? Are they being enslaved in underground secret instalations or facilities owned by a Military Industrial Complex? Are they being used to human sacrifices? Nobody knows. Nobody wants to know. The mass media doesn’t even talk about this issue. It seems that nothing is happening. Besides that, this is not of your concern. Nobody of your family or from your neighborhood has disapeared lately, so you have nothing to worry about. Just stay living your “romantic view of life”. Welcome to the Planet Earth.


homelesscount0101422561730Lost citizenship

So many people are becoming homeless, everyday, everywhere, in every country around the world, a phenomena that is happening in an exponencial rate, caused by a society structured on the basis of social Darwinism, where competition prevails rather than cooperation and as a result of a collapsing economic system. And this sick society calls them ‘the problem’. They are not the problem, but the consequence of the problem. We live into an economic system which was originally created not to generate opportunities of prosperity for all, but just for a few dozen privileged people. Everyone else has to work and pay bills for a lifetime. The irony of this kind of a sick society is that the real and cruel truth was never told to us:  the opportunities are just for a few and everyone strugles for a lifetime for those few opportunities and those ones who can not win this unfair fight, end up in the streets, with no job, no shelter, no money, no hope, no citizenship. But this is not of your concern, once you have a good job, a shelter, a family and some money to spend in futile things. This is wilful ignorance.


downloadLost hope

So many people commit suicide, all around the world, in a rate of one person at each forty seconds, more than one person a minute. This is almost 800 thousand people every year. The number varies from one year to another, sometimes it reaches one million people in a year. Most suicidal people desperately want to live, but they have lost all hope. Why? Most suicidal people give definite warning signals of their suicidal intentions, but others are often unaware of the significance of these warnings or unsure what to do about434323e88c6aff453cc46edee4bdbfeb them. Suicide is preventable. Most suicidal people desperately want to live; they are just unable to see alternatives to their problems. Talking about suicide does not cause someone to become suicidal. It actually helps to talk about suicide, and the feelings and thoughts behind it. Surviving family members not only suffer the loss of a loved one to suicide, but are also themselves at higher risk of suicide and emotional problems. If you identify someone next to you as a potential suicidal, make an special effort to save a life. Wilful ignorance is the worst attitude. Be human, save a life.

P.S. Some phrases above were excerpted from the following article: 

https://www.thehopeline.com/suicide/


What I (wish to) see ahead, not only for 2017, but forever

No more child slavery, no more youth slavery, no more slavery at all. No more female genital mutilation, no more profit headed wars, no more pople being kidnaped or disapearing without a trace. A word where we can live in real freedom. A world without homeless people hopelessly living in the streets. A world where people don’t need to faithlessly kill themselves. A world where we can raise our children with no fear. Is this utopia? No. It is quite possible. We just need to face the problems, instead of wilful ignore them. We just need to become more conscious of our own power to change the world. We can’t defend ourselves from threats that we don’t even know to exist. Do what is at your fingertips in 2017. Make 2017 not a new year, not an ordinary year, but the first year of a new period of achievements for us humans.

Eduardo Silva